MARKETING

Data_Dress: A tecnologia User First aplicada ao contexto da Moda

Data_Dress: A tecnologia User First aplicada ao contexto da Moda

O mundo do marketing é cada vez mais user-first, isto é centrado no consumidor. As inovações no que diz respeito ao desenvolvimento de novos produtos derivam do acompanhamento muito próximo das necessidades e desejos do consumidor tendo por base o contexto das suas vidas diárias, dos micro-momentos do seu dia-à-dia.

Atenta a estas tendências, a Ivyrevel, agência de moda digital criada em 2013 e pertencente à H&M, está a desenvolver um projeto com a Google denominado Data_dress. A premissa base do projeto é de que a moda pode projetar a personalidade de cada um, aumentando a sua auto-confiança. E tal pode passar por ter algo único para vestir. O objetivo do projeto é proporcionar aos consumidores a possibilidade de terem roupas personalizadas a um custo acessível.

Ver o vídeo que se segue é obrigatório!

Em que consiste esta tecnologia de base do Data_Dress?

A tecnologia foi desenvolvida em conjunto pela Ivyrevel e a sua agência Media Monks em parceria com a Google Zoo e combina criatividade na moda uma tecnologia inovadora user-first.

Esta tecnologia utiliza a API Snapshot da Google para monitorizar a atividade diária do consumidor e o seu estilo de vida. Recolhe informação do utilizador (com a sua permissão) como a localização e atividade (como andar, estar sentado, correr) e as condições metereológicas da zona em que se encontra. Esta informação cruzada com a da Google Awareness API vai permitir adicionar dados de antecipação e reação.

O resultado é a criação de uma tecnologia que permite criar uma série de designs de roupa com base no dia-à-dia e no estilo de vida de cada um. Uma espécie de combinação entre a arte e o código.

Como funciona a aplicação?

Basicamente será necessário instalar a aplicação Android num dispositivo móvel e dar permissão para que a mesma recolha informação do estilo de vida do utilizador durante 7 dias.

A app vai recolher os sinais de contexto e experiências do utilizador que passam depois por um algoritmo e resultam num vestido customizado de design.

A app está neste momento numa fase alpha e o objetivo é que o Data Dress possa ser comprado na app.

Como vai ser comunicado o projeto Data_Dress?

A Ivyrevel concebeu o projeto a pensar no target mulheres entre 20-24 anos, muito interessadas em moda e early adopters/trend setters nesta área. O projeto vai ter como foco de comunicação o YouTube e está a ser trabalhado de forma a incluir digital influencers no projecto, dada a influência destes junto do target que neles vai buscar inspiração e acesso às últimas novidades.

Foram selecionadas influencers em 6 mercados grandes na Europa: Angelica Blick, Janni Delėr, Julia Wulf, Shanti Joan Tan, and Iva Nikolina Juric e Kenza Zouiten. Estas vão testar a tecnologia e receber um vestido e depois fazer toda a cobertura – desde os bastidores ao unboxing – nas suas redes sociais.

Em suma, este inovador projeto com a tecnologia user first é um bom exemplo do que é possível ser feito cruzando a personalidade do utilizador com o processo de design e a data technology. E isto é algo que o digital veio trazer ao marketing: o contexto e a personalização proativa da experiência 1-to-1.

You Might Also Like

No Comments

    Leave a Reply